03/10/2012 - Entrevistas

Cel. Marinho elogia gestão do SAFESP

Presidente da CEAF destaca a força atual do Sindicato de Árbitros
Por: Gabriel Lopes - Safesp


O presidente da Comissão Estadual de Arbitragem de Futebol (CEAF), Coronel Marcos Marinho, visitou a Assembleia Geral do SAFESP no último domingo (30/09) e não poupou elogios à atual administração do Sindicato, presidido por Arthur Alves Júnior.

 

Para Marinho, a representatividade dos árbitros ficou muito evidenciada com a nova gestão do Sindicato. “O Arthur contribuiu com o desenvolvimento e modernização do Sindicato, a firmeza em defender a categoria também melhorou e isso, evidentemente, ajuda a deixar o espetáculo, que é o jogo de futebol, ainda melhor”, comentou.

 

Além das melhorias estruturais, o mandatário da Comissão de Arbitragem destacou a filosofia implantada por Alves Júnior, baseada na união da categoria. “Os representantes dos árbitros andavam muito adormecidos e o Arthur implantou esta nova e séria filosofia e vem se empenhando, conscientizando os árbitros neste sentido. A união, de certa forma, torna-se uma blindagem para a pressão que eles sofrem”.

 

Para salientar este pensamento, Marinho é favorável à organização de eventos periódicos que visem à socialização dos árbitros. “Esses eventos sociais são relevantes para o pessoal descontrair e formar amizades. Esta profissão é muito individualista, cada um quer defender o seu lado e este tipo de ação quebra esse gelo, para deixar todos unidos, pelo bem da arbitragem”.

 

Apesar de Arthur Alves Júnior é membro da CEAF, Cel. Marinho afirmou que a relação entre os dois é muito tranquila e produtiva. “Quando trabalhamos pelos mesmos ideais, tudo é mais fácil. O Arthur é uma pessoa que conversa e cobra bastante da Comissão de Arbitragem e isso mostra o empenho dele em defender seus árbitros”, disse.

 

“Para a Federação Paulista, é muito importante ver um Sindicato de Árbitros forte. O presidente Marco Polo Del Nero dá todo apoio para o SAFESP por saber que um Sindicato atuante torna os associados mais preparados para administrarem as partidas”. 

PUBLICIDADE


Publicidade