SAFESP protesta e repudia declarações de presidente do Flamengo

São Paulo, SP, 25/09 - O presidente do Sindicato dos Árbitros de Futebol do Estado de São Paulo (SAFESP), Arthur Alves Júnior (foto acima), protesta veementemente e repudia as declarações do presidente do Flamengo (RJ), Eduardo Bandeira de Mello, que segundo a coluna "De Primeira", do site UOL, disse que confia na classificação do time carioca na Copa do Brasil e que o Flamengo passa pelo Corinthians na Arena Corinthians, em São Paulo, "se o juiz deixar". Para o presidente do SAFESP isso é coisa de quem não tem que falar.

"Se ele realmente disse isso, ele é um brincalhão e não tem nenhuma noção das coisas que diz. Ou então está querendo desviar o foco se seu time for desclassificado da Copa do Brasil. Nós, Sindicato dos Árbitros de Futebol do Estado de São Paulo, independente de qual estado pertença o árbitro que atuar neste jogo, não podemos admitir que um cidadão ligado a um clube de tradição no País, venha a público e diga uma besteira dessa. Árbitros de futebol são íntegros e honestos. Este é o nível de alguns dirigentes brasileiros, que as vezes abrem a boca só para falar besteira e tentar se precaver de futuro insucesso", falou o presidente do SAFESP.

Na última partida, em que o Flamengo venceu o Atlético (MG), por 2 a 1, no Maracanã, e que o árbitro trabalhou sem interferir em nada no jogo e nem no resultado, os diretores do Flamengo já estavam reclamando da arbitragem. O vice de futebol do clube, Ricardo Lomba, tecia severas críticas ao árbitro paranaense Rodolpho Toski Marques sem motivo algum.

"É impressionante o dom de falar besteira que algumas pessoas tem. Ganhe o jogo em campo e esqueçam a arbitragem. Se um árbitro erra numa partida, não o faz porque quer. Não vi nenhum erro nesta partida que pudesse gerar toda a revolta por parte dos dirigentes do Flamengo. Parece até que estavam já querendo criar clima para o jogo contra o Corinthians. Não venceram em casa e agora querem desviar o foco no jogo em São Paulo. Deixo aqui o meu protesto e o meu repúdio contra estas palavras toscas ditas por dirigentes do Flamengo", finalizou Arthur Alves Júnior.



ENQUETE

Árbitro de Futebol, Prestador de Serviço Autonômo, o que NECESSITA melhorar no exercicio de nossa profissão ?

SEGURANÇA
TAXAS, DIARIAS, PASSAGENS , RECOLHIMENTOS DO INSS
CONDIÇÕES DE TRABALHO (CAMPO DE JOGO, VESTIARIOS , UNIFORMES )
ATUALIZAÇÕES DAS REGRAS DE JOGO
Resultados

TEMPO