Árbitro mineiro faz trabalho voluntário para crianças em BH

São Paulo, SP, 03/09 - O árbitro mineiro Igor Junio Benevenutto, que integra o Quadro FIFA e esteve do dia 27à 31 de outubro em Águas de Lindóia (SP) realizando o Curso RAP-FIFA, foi uma das gratas surpresas que a arbitragem brasileira deu para o mundo. Alegre e brincalhão, Igor Benevenutto dedica seu tempo quando não está trabalhando, para crianças que estão internadas no Hospital ABC da Criança, em Belo Horizonte, local onde mora. Igor faz um trabalho voluntário e é conhecido como Dr. Gravatinha.

"Sempre acompanhei essa parte de convívio com paciente e o desejo de trazer um pouco de alegria, doar um pouco do meu tempo para essas pessoas, para essas crianças. É um sentimento indescritível. Não só para elas, mas para mim também. Esse trabalho mudou a minha vida no modo de pensar, no modo de agir. Amanhã posso ser eu o paciente. E sei que um momento de felicidade faz diferença", falou o árbitro, que integra o grupo Guardiões do Riso, em entrevista ao site da CBF.

Antes de se tornar árbitro de futebol, Igor Benevenutto estudou enfermaria e se formou na profissão. Ele alega que ajuda aplicar o que aprendeu tanto na profissão como no trabalho voluntário dentro do campo de jogo.

"A questão da paciência, de saber ouvir, entender o momento do jogador, melhorou. A gente percebe que o jogador está em um momento de grande estresse, com várias cobranças. Essa empatia tem me ajudado muito nas minhas arbitragens e percebi que foi depois que comecei a fazer esse tipo de trabalho. Me traz muita paz, muito conforto, serenidade. Eu sei que aquele momento de grande estresse vai ser só naquele momento e depois dali vão ter coisas boas na minha vida", explicou o mineiro.



ENQUETE

Árbitro de Futebol, Prestador de Serviço Autonômo, o que NECESSITA melhorar no exercicio de nossa profissão ?

SEGURANÇA
TAXAS, DIARIAS, PASSAGENS , RECOLHIMENTOS DO INSS
CONDIÇÕES DE TRABALHO (CAMPO DE JOGO, VESTIARIOS , UNIFORMES )
ATUALIZAÇÕES DAS REGRAS DE JOGO
Resultados

TEMPO